E se a Moda Pegar?

Me casei com um prédio

mulher protesto casa predioDepois da mulher que casou com a Montanha Russa, depois da mulher que casou com a Torre Eifel e depois que um homem casou com o seu Travesseiro, agora temos uma mulher que resolveu casar com um prédio!

Embalada pelo som de Jack Jackson, a noiva Babylonia Aivaz reuniu 30 convidados para assistir à cerimônia de seu casamento com um prédio.

Babylonia fazia parte do protesto Occupy Seattle, que pede a diminuição do avança imobiliário na sua cidade, decidiu que uma boa forma de protestar seria se casando com um dos prédios condenados ao desabamento.

O mais interessante disso tudo, é que a noiva disse que se tratava de um casamento gay, uma vez que o prédio também era mulher.

Fora isso, o prédio, muito bonito diga-se de passagem, tem mais de 107 anos, ou seja, mais de 70 anos de diferença com Babylonia, ou seja, um casamento à prova de qualquer preconceito…

E você, o que acha de pessoas que se apaixonam e chegam a se casar com objetos, construções e monumentos? Saiba que isso é bem mais comum do que você imagina!

Como diz o ditado, “Há sempre um sapato velho para um pé descalço…”

Fonte: http://www.seattlepi.com

You may also like...

1 Comment

  1. […] de Babylonia Alvaz, aquela mulher que se casou com um préidio!? Então, o prédio que ela se casou foi demolido semanas após o casamento e ela se tornou uma […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *